Mensagem Pastoral

UM MÊS ESPECIAL

08 Dez 2019Pr. Hércio Fônseca

“Quando os anjos os deixaram e foram para os céus, os pastores disseram uns aos outros: “Vamos a Belém, e vejamos isso que aconteceu, e que o Senhor nos deu a conhecer”. Então correram para lá e encontraram Maria e José e o bebê deitado na manjedoura. Depois de o verem, contaram a todos o que lhes fora dito a respeito daquele menino, e todos os que ouviram o que os pastores diziam ficaram admirados.”
(Lucas 2.15-18)

Nem sempre temos a real dimensão do que realmente estamos comemorando durante o mês de dezembro. Infelizmente, muitos em nossos dias atribuem esse mês a qualquer sentimento, menos ao de celebrar o nascimento de Jesus, o Salvador da humanidade.

Precisamos compreender que dezembro não é o mês do Papai Noel, da decoração especial de natal, da troca de presentes, da ceia farta ou mesmo das confraternizações, mas do nascimento de Jesus, o Messias, o Deus encarnado, que nasceu como homem para nos tirar das trevas para a maravilhosa luz.

Embora não saibamos exatamente o dia em que Jesus nasceu, sabemos que ele nasceu. Sabemos onde nasceu, quando nasceu e porque nasceu. O nascimento de Jesus foi celebrado pelos anjos, pelos pastores e pelos magos do Oriente. É maravilhoso testemunhar que a história de Jesus é marcada por fatos e registros que não podem ser apagados por aqueles que não desejam vivenciar essa verdade.

Jesus é a mensagem vinda dos céus para os homens perdidos. Seu nascimento trouxe alegria para todo o povo. O Natal precisa ser comemorado com esse sentimento de gratidão a Deus, pela sua graça derramada, pelo seu favor demonstrado. Jesus é Deus se fazendo homem, o Rei dos reis se fazendo servo, para cumprir o propósito eterno de salvar a humanidade.

É triste acompanharmos o comércio roubando a cena de Jesus e tentando materializar o que é sobrenatural e divino. Que, neste mês, o nosso foco seja celebrar o nascimento de Jesus. Que possamos nos voltar para as boas novas de Salvação e anunciar que Jesus nasceu menino, mas se fez homem, habitou entre nós, morreu na cruz e ressuscitou e vive para sempre e, em breve, virá em glória para nos buscar! Aleluia!

Voltar